OBRIGADA PELA VISITA!
DEIXE UM RECADINHO DE VEZ EM QUANDO
É BOM CATIVAR...
CATIVANDO-ME, VOCÊ ME INCENTIVA!

Visitem os blogs pedagógicos da krika!

Glitter Photos

Confira no Linguagem e Afins

quarta-feira, 15 de julho de 2015

Amadureço-me









Tudo que habita em mim
precisou de mudanças
As marcas indeléveis
que a vida não mimou
transformaram-me
delicadamente e
pontualmente
no contar das horas.

Foi preciso desapegar-me
dos sonhos não dormidos
para que eu me visse no espelho

Foi preciso pendurar
as lágrimas nos varais
soturnos e
solitários para que eu sorrisse

Tudo que habita hoje em mim
sofrerá ainda recompensas
troféu conquistado
 e reverenciado pelo vigor da vida

Foi preciso decifrar
a autoestima
conjugá-la no verbo presente:
" eu me amo"

Foi preciso silenciar os olhos
receosos da solidão
encadear batalhas
declarar lutas e
vencê-las  cada uma a seu tempo

Tudo que habita hoje em mim
movimenta-se a favor do vento
vou ao encontro da esperança
do encantamento
da paz
e do espírito livre.

by krika
julho2015



Link para essa postagem


4 comentários:

  1. Oi Krika!
    Que lindo o seu poema!
    Tudo de bom!
    Super beijo!

    ResponderExcluir
  2. Amadurecer sempre nos custa muito. Nem sempre nossas conquistas são troféus. Muitas são apenas o que pudemos conseguir.

    ResponderExcluir
  3. Troféus são as marcas que a vida faz.

    ResponderExcluir